No último dia 28/05, ao lado do Fabio Rua, Head de Relações Governamentais da IBM, Marcos Borges, Gerente Executivo da CNI e Fernando Teixeirense, Diretor de Relações Institucionais da Jeffrey Group, a sócia-diretora do Celuppi Advogados, Juliana Celuppi, participou de um debate, a convite da JeffreyGroup, sobre Relações Governamentais. O debate aconteceu no âmbito do 22º Congresso Mega Brasil de Comunicação. O tema principal foi a Lava-Jato e seus efeitos para as relações público-privadas.

Nossa diretora pontuou sobre a luz que foi lançada ao tema política após a operação, o que foi muito positivo, sendo o início de um caminho para que se entenda o que é a atividade de Relações Governamentais. Ainda mencionou que com o assunto na mesa, o próximo passo é esclarecer o que é lobby, que é sinônimo de relações governamentais, RIG ou relações institucionais e a da enorme diferença que é esta atividade profissional e atos de corrupção. Pontuou que lobby não é corrupção e vice-versa e que as pessoas envolvidas no esquema não poderiam ser consideradas lobistas, pois são criminosos e não profissionais de relações governamentais. Ainda sobre o assunto relações governamentais e corrupção, concedeu entrevista para a Rádio Mega Brasil, confira trecho da entrevista aqui.

O Head de Relações Governamentais da IBM, Fabio Rua além de defender ainda mais transparência na interlocução entre governos e empresas, apresentou o otimismo e entusiasmo com os resultados que a Operação segue trazendo para aqueles que acreditam nas instituições, no fim da impunidade, dos privilégios e da falta de respeito com a coisa pública. Marcos Borges, por sua vez, comentou sobre a evolução da atividade de relações governamentais ao longo dos seus 30 anos de experiência e o papel imprescindível do profissional de RelGov na formação de políticas públicas.

 

O pessoal da JeffreyGroup preparou também um bom e sintético resumo dos debates em inglês, que pode ser acessado aqui.